Suas Emoções

Meu bem-estar inconfessável

Todo mundo tem um ritual secreto que para os outros pode não significar nada ou até ser considerado bizarro, mas que faz verdadeiro milagre na nossa vida. Já sabe o seu?

Suas Emoções / Reportagem Por:
2 minutos

Lavar uma pia cheia de louça depois de uma briga de casal, desenrolar corrente de colares na caixa de bijuterias para conter a ansiedade ou devorar uma panela de brigadeiro para descarregar o estresse após um dia difícil no trabalho. Pequenas ações do cotidiano podem ajudar a mudar o seu dia para melhor, mas nem tudo que faz bem para a gente é fofo, saudável ou motivo de orgulho. Por isso, todo mundo tem seus segredinhos para aliviar as tensões e sentir as energias renovadas. Sabe aquela coisa aparentemente boba ou até bizarra que te relaxa, te alegra ou te acalma? É o que chamamos por aqui de “bem-estar inconfessável”. Perguntamos a algumas personalidades quais são os deles:

Valesca Popozuda, cantora

“Toda vez que estou muito agitada, triste ou cansada, eu paro, coloco alguma novela e relaxo. Posso estar em casa, na rua ou até no carro. Se for preciso, vejo até pelo celular.”

Miá Mello, atriz

“Desde que me conheço por gente, tenho uma estreita relação com os animais. Beijar os meus cachorros me faz muito bem. Minha mãe diz que ainda vou pegar uma doença, mas é mais forte do que eu. Quando vejo já estou beijando, apertando e até sentindo o bafinho. Parece uma espécie de ritual que me preenche até a nova leva de beijos.”

+ Leia também: Déia Freitas: “Só consigo dormir ouvindo podcast com temática de crime” 

Mahmundi, cantora

“Quando tenho alguma dúvida ou quero desenrolar alguma coisa criativa, gosto de lavar louça. Se não tiver louça para lavar, costumo fazer um expresso e comer um biscoito feito de maizena. Molhar o biscoito no café e parar para pensar sempre me traz revelações e esclarecimentos impressionantes.” 

Raquel Virgínia, cantora

“Gosto de colocar música no fone de ouvido, bater perna sem destino e dançar no meio da rua. Quem me encontra deve achar que eu enlouqueci – mas é de fato uma mini loucura que me anima. Sempre tenho ótimos insights nessas andadas que podem durar horas”

+ Leia também: Bella Camero: “Alivio a raiva treinando o quadradinho”

Michelli Provensi, modelo e escritora

“Notei que, quando estou estressada, gosto de passar um tempo vendo o gato tomar banho. Sinto que tem o efeito de uma meditação. Para eles, a limpeza tem a ver com bem-estar, e acho que para mim, contemplar esse ritual tem o mesmo efeito.” 

Dudu Bertholini, stylist e diretor criativo

“Minha vida é muito dinâmica, viajo muito, trabalho com muita gente, então acho que repetir o mesmo prato me dá uma sensação de pertencimento. Tem fases que eu gosto de comer sempre a mesma coisa, obsessivamente. Gosto de ir no mesmo lugar, pedir o mesmo prato, reconhecer aquele mesmo gostinho. Minha febre do momento são uns ovos Benedict de uma padaria no quarteirão da minha casa.”

Veja também