Nosso Mundo

Autocuidado com vista de cinema

O cantinho especial de Claris Leal não é nada convencional: o banheiro é onde ela se conecta não só com a natureza da cidade maravilhosa, mas também com seu autocuidado

Nosso Mundo / Habitat Natural Por:
1 minuto

Morando na cidade maravilhosa há pouco tempo, Clariana Leal, educadora sexual e sócia de uma loja erótica focada no prazer feminino, chegou em busca de uma conexão com a terra do Cristo Redentor, com o mar, a cachoeira e as montanhas. Mas aí, a pandemia. 

O momento de maior contato com a natureza teve que ser adiado pela Claris, mas foi na casa nova, especialmente no banheiro, onde a cearense encontrou um outro tipo de conexão. Só podia, com essa vista! “É um lugar onde consigo pausar, meditar, e olhar para cidade durante o banho, que é um privilégio absurdo, que nunca imaginei que teria”, diz. 

O cenário, protagonizado pela banheira, também é composto por vários elementos que lhe trazem essa sensação de conexão consigo mesma. Tem objetos de prazer que integram sua história como educadora sexual, velas e “coisinhas cheirosinhas” que fazem parte de seus rituais de autocuidado, como ela mesma descreve. “Aqui tem figuras, meus discos preferidos, e as imagens de Oxum e Iemanjá, as rainhas da água.”

Entre o que mais ama no banheiro, estão o espelho marcado pelo tempo e pela maresia, além de um quadro da sua terra natal: a praia de Iracema, em Fortaleza. A obra na parede e a rede na varanda ao lado revelam que, por mais que ela esteja no Rio agora, o coração sempre seguirá um pouquinho no nordeste também. “A minha casa é a maior conexão que eu tenho com essa cidade onde eu tô, que também é casa pra mim. É uma forma de eu estar juntinho de algo que eu sempre quis.” 

Veja também